Vingança por abordagem violenta pode ter motivado homicídios em Grossos


O atentado em Grossos, que acabou na morte de três pessoas, entre elas uma bombeira civil, pode ter sido cometido por revanche. Segundo testemunhas que estavam na festa e conversaram com a equipe do TCM Notícia, minutos antes do tiroteio, seguranças da festa teriam abordado um jovem na festa.

Eles contam que na abordagem para tirar um ‘lança perfume’ do suspeito, os seguranças usaram muita violência. O jovem acabou ficando desacordado. E ainda segundo as testemunhas, foi exatamente o mesmo homem que voltou a festa agora armado e disparou contra os seguranças.

As testemunhas dizem que não houve abordagem da segurança, e que as vítimas foram surpreendidas pela ação do atirador. A bombeiro civil Daniely Francisca Dantas que morreu na ação não seria alvo, mas correu dos tiros e foi atingida. 

Dois homens morreram no local, a bombeiro civil chegou a ser socorrida para o Hospital Tarcísio Maia em Mossoró, mas não resistiu.

Uma quarta pessoa ficou ferida, um jovem também precisou ser atendido no Hospital Tarcísio Maia mas tinha um ferimento por bala na perna, mas sem gravidade.

Procuramos a delegada da Polícia Civil de Grossos que disse não comentar investigações em curso.
TCM Notícia 

Nenhum comentário:

FORMULÁRIO DE CONTATO

Nome

E-mail *

Mensagem *