Júri condena homem acusado de matar empresário paulista em Felipe Guerra


O Tribunal do Júri Popular do Fórum Municipal Desembargador Newton Pinto em Apodi/RN, julgou e condenou Pedro Henrique Freire Machado, de 32 anos. Ele é acusado de matar o empresário Douglas Silva Barros, era natural de Carapicuíba/SP, e morava em Mossoró/RN.

O crime ocorreu no dia 18 de outubro de 2020, no Centro de Felipe Guerra/RN. A vítima Douglas estava no seu veículo em uma carreata política quando o assassino chegou por trás e o matou com vários tiros. 

Segundo a investigação a vítima já tinha se envolvido em uma briga com o acusado dias antes do crime em Pau dos Ferros.

O Conselho de sentença decidiu por condenar o réu a pena total de 24 anos de prisão em regime fechado, sendo 18 anos e 9 meses de reclusão por homicídio qualificado contra Douglas e mais 6 anos pela tentativa de homicídio contra Juliana Cavalcante Moura namorada da vítima.

Pedro Henrique Freire Machado seguirá preso no Centro de Detenção Provisória de Apodi/RN.

TCM Notícia

Nenhum comentário:

FORMULÁRIO DE CONTATO

Nome

E-mail *

Mensagem *