Motoboy é procurado por transportar drogas para organização criminosa em Mossoró

A Polícia Federal divulgou nesta quinta-feira (28) foto e nome de um dos foragidos da “Operação Hemera”, deflagrada pela Polícia Federal na terça-feira (26), com o objetivo de desarticular organização criminosa responsável pelo refino, adulteração e preparação de drogas em laboratório clandestino desativado em setembro de 2021 na cidade de Mossoró.

Segundo a PF, a função de Arnaldo Alves de Lima, conhecido como “Carneirinho Voador”, dentro da organização era transportar entorpecentes e insumos no interesse do laboratório.

Na terça, foram cumpridos 17 mandados judiciais, expedidos pela 2ª Vara Criminal de Mossoró, destinados a efetivar buscas e apreensões, intimação de medidas cautelares e prisões.

Um corretor de imóveis, cuja função, a princípio, era justamente alugar imóveis para servirem de laboratório itinerante para refino dos entorpecentes, foi preso e conduzido à sede da PF.

Já Arnaldo Alves de Lima não foi encontrado, portanto, encontra-se na qualidade de foragido da justiça, o que permite a divulgação dos seu nome e foto.

Informações que possam levar ao paradeiro do foragido podem ser enviadas à FTSP-Mossoró, através do telefone (84) 3323-8300, bem como pelo WhatsApp: 99218-0326, sendo o sigilo do denunciante plenamente preservado.

Mossoró Hoje

Nenhum comentário:

FORMULÁRIO DE CONTATO

Nome

E-mail *

Mensagem *