Polícia prende segundo suspeito de envolvimento na morte do suboficial da marinha em Mossoró

Policiais civis da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Mossoró deram cumprimento, nesta quarta-feira 29, a um mandado de prisão preventiva em desfavor de João Paulo Borges da Silva, de 24 anos. Ele, detido em sua residência, no bairro Abolição III, é investigado pela suspeita da prática de um latrocínio. 

O crime vitimou o subtenente aposentado da Marinha do Brasil, Ricardo Luiz dos Santos, de 57 anos, atingido por quatro tiros durante um roubo, ocorrido na madrugada do último domingo (26), no bairro Bela Vista, em Mossoró. Segundo a investigação, cerca de três homens participaram da ação criminosa. Na residência de João Paulo Borges foram apreendidos televisores, possivelmente, de origem ilícita. 

Ele foi conduzido até a Delegacia de Furtos e Roubos (DEFUR) de Mossoró, onde foi autuado em flagrante pela suspeita do crime de receptação; após a lavratura do auto de prisão em flagrante, João Paulo foi conduzido ao Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP/RN) e, em seguida, encaminhado ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Nenhum comentário:

FORMULÁRIO DE CONTATO

Nome

E-mail *

Mensagem *